Exercício Para Os Olhos Vista Cansada

Exercício Para Os Olhos Vista Cansada. Faça no mínimo 10 vezes de cada exercício e vá aumentando até completar 30 podendo dividir em várias etapas durante o dia.

Exercício Para Os Olhos Vista Cansada

Não se esqueça de contar, pausar e contar a pausa.

Exercício Para Os Olhos Vista Cansada

EMPALMAR: Este exercício é muito relaxante e deve ser feito no intervalo de todos os outros exercícios, também nos intervalos das nossas tarefas diárias principalmente quem trabalha com computador e muitas vezes durante o dia. Esfregue uma mão na outra para ativar os meridianos e coloque-as nos olhos. O centro da palma da mão fica na direção dos olhos, com isso os dedos vão cobrir a testa. Verifique se está bem vedado da luz, caso isto aconteça acomode melhor suas mãos. Seus olhos devem ficar abertos na escuridão total. As mãos devem estar em concha, elas não encostam aos olhos. Totalmente no escuro:PISQUE vagarosamente, apertando levemente as pálpebras. Imagine que está vendo algo móvel tipo uma cachoeira, para que não crie rigidez nos olhos. Fique nesta posição bastante tempo, quanto mais melhor.

ENSOLAR: Sol é para os olhos o que o ar é para os pulmões, então deixe que recebam a luz solar mesmo indiretamente. A luz aquece e estimula os nervos da retina intensificando a circulação nesta área. Os animais que trabalham na mina e passam o dia no escuro, com o tempo, ficam cegos. Habitue a todos os dias, logo cedo ou no final da tarde, dirigir seus olhos fechados para o sol, fazendo o pequeno ou grande balanço. Fazer intervalos onde deverá fazer o empalmar.

PISCAR: Pisque vagarosamente, muitas vezes durante o dia, muitas mesmo, quanto mais melhor. Este exercício tão simples é excelente para a visão porque é uma maneira de lubrificar a córnea que não tem vasos, este procedimento também é anti-séptico. Pisque sempre sem apertar os olhos, mas com firmeza e lentamente. Quantas vezes ao dia? O máximo que puder, em todas as situações, pique: Lendo, quando estiver no carro, cozinhando, esperando o elevador e em toda situação. Faça disto um hábito que é saudável.

PEQUENO BALANÇO: Este é também chamado pequeno volteio. São movimentos lentos com a cabeça de vai e vem, como se estivesse dizendo NÃO. Girar bem para o lado direito e fixa os olhos em um ponto, piscar, voltar para o esquerdo e fixar outro ponto. Também piscar.Os olhos vão fazendo uma linha preta imaginária que liga os dois pontos (direita e esquerda). Vai voltando, seguindo a mesma posição, reacendendo a linha preta, não crie outra linha. Associe este exercício ao EMPALMAR. Caso não haja condições de fazer este exercício com a luz solar pode usar uma lâmpada de 150 watts.

GRANDE BALANÇO: Também chamado grande volteio. Fique em pé, pés paralelos e na altura dos ombros, não deixe as pontas dos pés para fora. Vá virando o tronco para a direita, depois para trás. Os braços e a cabeça vão sendo levados pelo movimento do tronco, vire até a mão direita encostar no rim esquerdo. Perceba que seu pé direito levantou um pouco do chão. Agora vire para a esquerda e faça o mesmo movimento. Enquanto vira para trás, inspire, quando voltar, expire. Este exercício é muito relaxante e pode ser feito na hora de dormir para que seus olhos fiquem mais relaxados durante o sono. Junto a ele é recomendado colocar o Quadro de Snellen e ir olhando cada letra cada vez que olhar para o centro, observando o espaço entre as letras. Observe também o movimento contrário feito pelo quadro, e pela parede. Isto é, enquanto você vai para um lado, tudo que está fixo, se move também para o outro lado. Dê atenção a este movimento.

ALONGAR: Nestes alongamentos, você não vai mexer a cabeça e sim os olhos. Em todos eles você tenta alongar ao máximo, sem forçar a vista, piscando no final de cada movimento. Repita 10 vezes de cada, porém na primeira semana é conveniente fazer metade para evitar grandes esforços de uma só vez. Nestes exercícios você faz uma linha imaginária preta e ao repetir vá seguindo a mesma linha, deixando-a cada vez mais preta. Fique numa posição confortável, coluna bem ereta e pode começar. Olhe para cima sem tirar a cabeça do lugar, vá ao máximo que conseguir, depois olhe para baixo. Repita 10 vezes. Agora vire para o lado direito ao máximo e volte para o esquerdo. Este movimento não é em linha reta, você imagina um arco que vai e volta, seguindo a linha preta acendendo-a cada vez mais. Em diagonal: Direita em cima e desce até a esquerda em baixo, faz cerca de 10 vezes para cada lado, acendendo cada vez mais a linha preta imaginaria. Depois esquerda acima e direita em baixo. Faça uma esfera com seus olhos, o mais redondo que conseguir, primeiro para o lado direito, feche o círculo, também 10 vezes. Agora para o lado esquerdo. As quantidades se repetem no lado oposto. PISQUE, pisque e pisque durante o mínimo de 3 minutos. Por último desenhe um oito bem grande, o máximo que conseguir, contanto que não force a vista. Para um lado e depois para o outro. Estes exercícios, além de alongar, vão dar mobilidade aos olhos o que se torna extremamente relaxante. Faça o empalmar durante 5 minutos, se for possível, fique relaxado.

A VARETA E O LÁPIS: Use uma vareta e um lápis. Encoste a vareta ao nariz horizontalmente com a outra ponta da vareta ligeiramente levantada. Agora encoste o lápis na vareta perpendicularmente e vá movimentando-o para frente e para trás, bem lentamente, observando sempre o ponto de interseção e o movimento executado. Tenha a ilusão que a vareta forma um X em seu ponto de cruzamento com o lápis. PISQUE. Leve o lápis até a ponta da vareta e você terá então a impressão de enxergar um V, com o ápice na ponta e os dedos abrindo-se em direção ao seu rosto. Este exercício é excelente para estrábicos, porém não exagere, se sentir cansaço pare e faça outros bem relaxantes como o empalmar e piscar e quando sentir que relaxou bastante pode retomar, o que não precisa ser naquele momento, nem naquele dia. Vá aumentando sua capacidade aos poucos. Segure a vareta e o lápis em ângulo reto. Agora siga com o olhar a linha do horizonte da vareta até o final e suba pela linha vertical do lápis, até o final, depois retorne do ponto que começou e assim sucessivamente faça de 10 a 12 vezes. Este exercício é um dos mais eficientes para recuperar a visão. Segure uma vareta cerca de 12 cm do nariz (posição vertical) e o lápis na outra mão com o braço estendido. Focalize a visão no lápis e venha trazendo para mais perto bem devagar. Você pode ter a ilusão de estar vendo duas varetas, mas não olhe para elas, mantenha sua visão no lápis. Agora focalize a vareta e terá a ilusão que existem dois lápis, então focalize objetos dentro desta dubiedade, por exemplo: a mesa do telefone, o abajur, o batente da porta, o computador etc. Se conseguir fazer este exercício é sinal que seus olhos estão trabalhando juntos e o objeto se fundirá numa só imagem clara. OUTROS

EXERCÍCIOS PARA DAR MOBILIDADE AOS OLHOS: Assistir a uma partida de tênis, ping-pong ou frescobol. Olhe para o horizonte e rapidamente para o dedo do seu pé (sem tencionar os olhos). Agora procure um ponto entre estes dois, repita o exercício, olhando para os três pontos e buscando os detalhes, vá olhando sucessivamente para cada um deles, piscando cada vez que concluir a linha. Faça o empalmar. Observar as ondas do mar. Fitar a lua em vários pontos diferentes. Morando em apartamento, costume ficar observando o movimento dos carros embaixo, isto relaxa os olhos. Crie hábito de ler de ponta cabeça, da direita para a esquerda, durante 5 minutos, todos os dias. Aumente o tempo se achar necessário. Siga sua intuição.